Rolim de Moura - RO
00:00
Rondônia

Conflito Agrário: Integrantes dos Sem Terra ameaçam invadir fazenda em São Francisco

Fonte: Do Rota Comando

27/02/2016 21h 12min

  • Compartilhe Essa notícia
  • Compartilhar no Facebook00
  • Compartilhar no Google Plus00
  • Compartilhar no Twitter
  • Compartilhar no Whatsapp
Conflito Agrário: Integrantes dos Sem Terra ameaçam invadir fazenda em São Francisco

Um grupo de sem terras chegou na região de São Francisco do Guaporé-RO neste sábado, 21, com o intuito de invadir uma area de terras que segundo eles estaria a disposição, ou seja seria da união, baseados nestas informação o grupo se instalou na altura do KM 100 da BR 429, na propriedade de parentes de um dos integrantes, esperando o momento certo de entrarem em ação, quando foram surpriendidos por um grupo de pecuaristas acompanhados pela força tarefa montada pelas policia dos municípios vizinhos e GOE  e Canil de São Miguel do Guaporé-RO,  que de forma pacifica exigiram a saida de todos.                                        

Pecuaristas representado por uma comissão de negociação votado minutos antes em uma reunião prévia representado pelo Presidente do Sindicato Rural do Estado de Rondonia Edson Afonso, e o Presidente da Associação Rural de São Francisco Emerson, entraram em acordo depois de longa conversa, onde os produtores se dispuseram em pagar R$ 7 mil reais e dois rolos de lonas para que eles voltasse para o municipio de Machadinho de onde parte deles vieram; Escoltados por uma viatura da GOE-GRUPO DE OPERAÇÕES ESPECIAIS, os integrantes da LCP (Liga dos Camponeses Pobres) deixaram o município depois de assinarem um termo de compromisso diante de todos os pecuaristas e autoridades presentes.

Tudo saiu de forma ordeira sem que fosse preciso usar força ou qualquer discução acressiva. "Sabemos que existe um problema social envolvendo estas pessoas, mais terá que ser resolvido de outra forma o Brasil precisa de  trabalhadores homens responsaveis, não podemos tolerar esse tipo de ação onde todos perdem com ação de grupos que muitas vezes trazem com eles pessoas que usam o movimento para cometer crimes e assolar a sociedade como vem acontecendo no vale do Jamari, onde o indice de criminalidade vem crescendo espantosamente", frisou Emerson presidente da Associação Rural de São Francisco do Guaporé.

Entre no grupo do whatsapp Clique aqui para entrar no grupo do Rolnews no Whatsapp.

MAIS NOTÍCIAS DE GERAL

CONTEÚDOS DIVERSOS