Abrir menu mobile
Céu limpo

Rolim de Moura - RO

Max: 36 - Min: 19

Céu limpo

Date e hora atual

22 de Julho de 2024 - 00:00:00

Busque as notícias digitando abaixo

Banner Highlight

PUBLICIDADE

GOV 83369 JULHO QUEIMADAS INTERNA
tecnologia

Rondônia registra 17 mil casos de senhas vazadas em 2022; especialista em smartphones alerta sobre segurança na rede

Fonte: Por g1 RO
04/07/2023 19h 56min

Notícia

Rondônia registra 17 mil casos de senhas vazadas em 2022; especialista em smartphones alerta sobre segurança na rede

Ilustrativa/internet


Mais de 17 mil senhas de rondonienses foram vazadas na internet durante o ano passado. O balanço foi revelado por meio de um monitoramento realizado pela SafeLabs, em parceria com a ISH, ambas empresas de cibersegurança.
O estudo aponta que 30 milhões de senhas foram vazadas no Brasil em 2022, sendo que São Paulo lidera a lista, com quase 19 milhões de senhas e dados sensíveis vazados. Em segundo lugar na pesquisa ficou o Rio de Janeiro, com 9 milhões de casos, cerca da metade do primeiro lugar.

Ao todo, o estado de Rondônia teve 17.384 passwords expostos na rede mundial de computadores, ficando à frente de ao menos cinco outros estados brasileiros. O Acre ficou em último lugar, com cerca de 3.500 casos de senhas vazadas.

O levantamento da SafeLabs também revela que o navegador que mais sofreu com vazamento de informações no Brasil foi o Google Chrome, com cerca de 3 milhões de credenciais vazadas.
De acordo especialista em smartphones, Paulo Roberto, a obrigação das pessoas expostas na internet é se proteger e dificultar o trabalho dos hackers, mas que ninguém está 100% protegido.

“A grande realidade é que ninguém está imune ao vazamento de dados na web. É necessário se manter alerta e tomar algumas medidas para evitar que seu nome e seus dados façam parte destas enormes listas de vazamentos. Primeiramente, nunca use aquele auto completar de senhas ou dados bancários, é o primeiro lugar que os invasores checam e é razoavelmente fácil atacar por ali".
 
"Depois, sem compartilhamento de senha em aplicativos de comunicação como WhatsApp. Também é importante estar alerta e nunca clicar em links desconhecidos, muito menos preencher formulários neste tipo de site”, aponta Roberto.
No momento em que seus dados são vazados nas redes, é muito difícil recuperar o sigilo, então, é importante se manter atento.

“É necessário compreender o modo de trabalho de empresas e prestadoras de serviços dos seus círculos. Por exemplo, bancos nunca pedirão sua senha durante nenhum atendimento. O Google também não usará números de telefone para te mandar mensagem pedindo para clicar em links, assim como nenhuma empresa te mandará e-mails solicitando sua entrada em links suspeitos para verificar alguma falha de segurança. Todas essas são formas de golpes, que buscam abrir um acesso no seu dispositivo móvel ou computador para acessar dados sensíveis”, finaliza o especialista.

Faça parte do nosso grupo no Whatsapp

PUBLICIDADE

ROLIM NET NOTÍCIAS LER
Ícone da categoria Tecnologia

Outras Notícias - Tecnologia

As principais notícias da categoria Tecnologia

O nosso portal utiliza “cookies” e outras tecnologias semelhantes para melhorar a sua experiência com os nossos serviços, personalizar publicidade.

Ao utilizar os nossos serviços, você está ciente dessa funcionalidade. Consulte a nossa Política de Privacidade .