Rolim de Moura - RO
00:00
Rondônia

Rolim de Moura poderá perder R$ 8 milhões em recursos se não houver sessão extraordinária

Raupp e Luiz Claudio estão tentando contato com os poderes municipais.

Fonte: Do Rolnews

16/12/2015 13h 50min

  • Compartilhe Essa notícia
  • Compartilhar no Facebook00
  • Compartilhar no Google Plus00
  • Compartilhar no Twitter
  • Compartilhar no Whatsapp
Rolim de Moura poderá perder R$ 8 milhões em recursos se não houver sessão extraordinária

Em contato com o Rolnews o Deputado Federal Luiz Claudio disse que solicitou aos vereadores de Rolim de Moura para que realizem uma sessão extraordinária para regulamentar a situação previdenciária da cidade, para que que Rolim de Moura volte a receber recursos da bancada federal. Com a regulamentação da previdência, a cidade já garante dois milhões de emenda do deputado. O Senador Raupp também fez a mesma solicitação, ele aguarda o posicionamento dos poderes municipais.

Mas por falta de um representante do executivo na Câmara Municipal, as coisas não fluem como o esperado, pois as matérias enviadas pela prefeitura dificilmente estão sendo aprovadas por lá. A falta de articulação compromete o desenvolvimento da cidade. Se caso não houver a extraordinária, Rolim de Moura perde de uma só vez cerca de R$8 Milhões.

O Rolnews tentou entrar em contato com o Presidente da Câmara de Rolim de Moura, João Rossi Junior, porém o telefone estava fora de área. Na próxima sexta-feira, 18, é o prazo final para que esta extraordinária que pode decidir o retorno do desenvolvimento de Rolim de Moura, aconteça.

De acordo com Luiz Claudio a Bancada Federal sempre esteve a disposição de Rolim de Moura, porém com esta inadimplência “emperrando” não há como mandar recursos. O Senador Raupp e a Deputada Federal Marinha também se dispuseram a contribuir com Rolim no que for preciso. Se caso for regularizado a situação, Rolim de Moura volta a receber recursos.

Quer ficar conectado com o Rolnews em seu WhatsApp?
Entre agora em nosso grupo e fique bem informado.
Clique aqui para entrar no grupo.

MAIS NOTÍCIAS DE POLÍTICA

CONTEÚDOS DIVERSOS