Rolim de Moura - RO
00:00
Rondônia

Ministério da Agricultura completa 160 anos e estima crescimento de 27% na produção de grãos do país

O agronegócio é responsável por 21% do Produto Interno Bruto (PIB)

Fonte: DA REDAÇÃO

28/07/2020 18h 21min

  • Compartilhe Essa notícia
  • Compartilhar no Facebook00
  • Compartilhar no Google Plus00
  • Compartilhar no Twitter
  • Compartilhar no Whatsapp
Ministério da Agricultura completa 160 anos e estima crescimento de 27% na produção de grãos do país

 

Já se passaram mais de um século e meio, mais precisamente 160 anos, desde que a Secretaria de Estado dos Negócios da Agricultura, Comércio e Obras Públicas, hoje denominado Ministério da Agricultura, Pecuária e Abastecimento, foi criado. E de lá para cá, o setor passou por grandes transformações. 

A agricultura no Brasil, ganhou contornos modernos e tecnológicos, se expandindo, e se transformou em uma potência agroambiental no mundo inteiro. Inclusive, os alimentos nacionais são exportados para mais de 200 países. Além disso, na hora de fazer uma refeição, cerca de 1,5 bilhão de pessoas possuem algum alimento no prato que vem da agropecuária brasileira. 

É bom salientar que esses números são sentidos de forma expressiva na economia. Afinal, o agronegócio é responsável por 21% do Produto Interno Bruto (PIB) e 20% dos empregos no país. Sem contar, que o Brasil é o terceiro maior exportador mundial de produtos agrícolas e o principal produtor e exportador de açúcar, café, suco de laranja, soja em grãos e carnes.

Embora os resultados do setor agrícola já sejam extremamente estimulantes, um estudo, realizado pela Secretaria de Política Agrícola do Ministério da Agricultura, Pecuária e Abastecimento, pela Secretaria de Inteligência e Relações Estratégicas da Empresa Brasileira de Pesquisa Agropecuária (Embrapa) e pelo Departamento de Estatística da Universidade de Brasília (UnB), revelou um crescimento significativo na próxima década.

Ao todo, estimasse que a produção de grãos do Brasil aumente 27%; a de carne bovina, 16%; a de carne suína, 27%, e a de carne de frango deve crescer 28%. Os dados fazem parte das Projeções do Agronegócio, Brasil 2019/20 a 2029/30, atualizado anualmente com base nas informações que abrangem o período de 1994 até maio deste ano. Obviamente, esse crescimento significa, também, a possibilidade de investimento em implementos agrícolas e mão de obra qualificada.

Na projeção para os próximos dez anos, o Brasil deve avançar dos atuais 250,9 milhões de toneladas em 2019/20, dados da Conab de maio/2020, para 318,3 milhões de toneladas, elevando em 27% à produção nacional. Algodão, milho de segunda safra e soja devem continuar puxando o crescimento da produção de grãos.

Quer ficar conectado com o Rolnews em seu WhatsApp?
Entre agora em nosso grupo e fique bem informado.
Clique aqui para entrar no grupo.

MAIS NOTÍCIAS DE AGRONEGÓCIO

CONTEÚDOS DIVERSOS