Rolim de Moura - RO
00:00
Rondônia

Mariana Carvalho destina recursos para o Hospital do Câncer de Barretos em Rondônia

Fonte: Da Assessoria para o Rolnews

26/01/2016 15h 47min

  • Compartilhe Essa notícia
  • Compartilhar no Facebook00
  • Compartilhar no Google Plus00
  • Compartilhar no Twitter
  • Compartilhar no Whatsapp
Mariana Carvalho destina recursos para o Hospital do Câncer de Barretos em Rondônia

A deputada Mariana Carvalho (PSDB – RO) destinou recursos na ordem de 300.000,00 (trezentos mil reais) de suas emendas parlamentares para o Hospital do Câncer de Barretos em Rondônia.

Segundo a congressista, uma das suas prioridades no primeiro ano de mandato foi defender ações que visam apoiar o centro hospitalar, cuja primeira etapa está prevista para ser concluída neste ano.

Depois de visitar a unidade que já funciona em Porto Velho como um embrião do moderno empreendimento, a tucana registrou no plenário da Câmara dos Deputados o seu compromisso diante da causa.

“Esse hospital vem dando a oportunidade de tratar muitos pacientes de Rondônia que precisavam deixar o Estado. Quero parabenizar todos que estão realizando esse importante trabalho e pedir que a sociedade civil organizada continue com essa fundamental ação solidária”, destacou .

Segundo o diretor da Unidade do Hospital do Câncer de Barretos em Rondônia, Jean Negreiros, o apoio da deputada Mariana Carvalho, bem como de toda a bancada rondoniense no Congresso, é primordial.

“Ficamos muitos motivados com a contribuição da deputada Mariana Carvalho que é a única médica da bancada de Rondônia e vem demonstrando uma atenção especial ao nosso trabalho” observou Jean, ressaltando que os parlamentares do Estado serão muito importantes para se conseguir o credenciamento do Hospital no Ministério da Saúde.

Depois de credenciado, o complexo hospitalar receberá recursos diretamente do SUS – Sistema Único de Saúde -, o que na opinião dele vai beneficiar o Estado de Rondônia, tendo em vista que além de garantir o atendimento de forma sustentável, os recursos ao invés de serem liberados pela Secretaria de Saúde do Estado vêm diretamente do governo federal.

Com 1.200m², a unidade de Porto Velho conta com serviço ambulatorial, oncologia clínica (quimioterapia) e centro cirúrgico preparado para realizar cirurgias de pequena, média e alta complexidade.

No primeiro mês, a meta é beneficiar cerca de 1.400 pacientes que iriam para Barretos e agora farão o tratamento em Porto Velho. Já no segundo mês de funcionamento cerca de 1.800 pacientes serão beneficiados.

A gestão do centro é da Fundação Pio XII, mantenedora do Hospital de Câncer de Barretos, que tem como presidente Henrique Prata. Desta maneira, a unidade contará os padrões de qualidade, humanização e protocolos de primeira linha, o diferencial da Fundação.

Quer ficar conectado com o Rolnews em seu WhatsApp?
Entre agora em nosso grupo e fique bem informado.
Clique aqui para entrar no grupo.

MAIS NOTÍCIAS DE POLÍTICA