Rolim de Moura - RO
00:00
Rondônia

Jovem é baleado na cabeça durante roubo e se finge de morto para sobreviver em Porto Velho

Vítima foi abandonada em um matagal e passou a noite do domingo (28) e quase toda a manhã da segunda (29) tentando se soltar das cordas. Ele foi resgatado até uma UPA, onde foi constatada a presença de um projétil na cabeça.

Fonte: G1 RO

29/11/2021 20h 07min

  • Compartilhe Essa notícia
  • Compartilhar no Facebook00
  • Compartilhar no Google Plus00
  • Compartilhar no Twitter
  • Compartilhar no Whatsapp
Jovem é baleado na cabeça durante roubo e se finge de morto para sobreviver em Porto Velho
Imagem Ilustrativa

Um jovem de 23 anos foi sequestrado, atingido com um tiro na cabeça e abandonado em uma área de mata durante o roubo de sua motocicleta em Porto Velho. A vítima contou à polícia que se fingiu de morto até que os suspeitos fugissem do local.
O caso aconteceu no domingo (28), mas o jovem só conseguiu contato com a polícia na manhã desta segunda-feira (29). Ele passou a noite abandonado no matagal tentando se soltar das cordas em que foi amarrado.
De acordo com o boletim de ocorrência, a vítima veio do Acre há pouco tempo para morar em Porto Velho. No momento do crime ele tinha saído de casa para comprar produtos de higiene e colocar crédito no celular.
No caminho, o jovem foi abordado por três suspeitos em um carro. Ele relatou ter sido ameaçado com uma pistola para entrar no carro, foi encapuzado e também teve pés e mãos amarrados.
Os suspeitos transportaram o jovem no carro por mais de 14 km em uma linha rural, sentido Guajará-Mirim (RO). Durante todo o trajeto ele foi agredido a coronhadas e ameaçado de morte, segundo o boletim de ocorrência.
Em um ponto do caminho, os suspeitos jogaram a vítima na mata e atiraram. Um dos tiros atingiu de raspão a cabeça do jovem. Ele contou à polícia que prendeu a respiração fingindo estar morto até que os suspeitos fossem embora.
 
A vítima passou a noite de domingo e quase toda a manhã de segunda abandonado na mata tentando se soltar das cordas. Quando conseguiu contato com a polícia, foi socorrido até uma Unidade de Pronto Atendimento (UPA), onde foi constatada a presença de um projétil alojado em sua cabeça.
Além da motocicleta, os suspeitos levaram R$ 400 em dinheiro e a carteira da vítima com documentos e cartões pessoais. A Polícia Civil deve investigar o caso. Nenhum suspeito foi preso até o momento.

Entre no grupo do whatsapp Clique aqui para entrar no grupo do Rolnews no Whatsapp.

MAIS NOTÍCIAS DE POLICIAL

CONTEÚDOS DIVERSOS