CERÂMICA UNIAOROLIM NET

POLÍTICA

TV Bandeirantes transmite primeiro debate entre presidenciáveis nesta quinta

Postada em 09/08/2018 14:10hrs
Fonte: Do Rondoniagora

TV Bandeirantes transmite primeiro debate entre presidenciáveis nesta quinta

A partir das 21 horas (de Rondônia) desta quinta-feira (9), os candidatos à Presidência da República nas eleições deste ano participam do primeiro debate na TV. A evento será realizado pela Bandeirantes e mediado pelo jornalista Ricardo Boechat.

Confirmaram presença Álvaro Dias (Podemos); Cabo Daciolo (Patriota); Ciro Gomes (PDT), Geraldo Alckmin (PSDB), Jair Bolsonaro (PSL), Guilherme Boulos (PSOL), Henrique Meirelles (MDB) e Marina Silva (Rede).

O debate terá cinco blocos. Os candidatos iniciam sua participação respondendo a uma pergunta única feita pelos leitores do Jornal Metro. As regras preveem perguntas de candidato para candidato. Jornalistas do Grupo Bandeirantes também farão perguntas para todos os candidatos e escolherão quem vai replicar. Entre perguntas diretas, réplicas e tréplicas, os candidatos se confrontarão 80 vezes.

Como será
No cenário, com capacidade para 180 pessoas sentadas na plateia, o lugar de cada candidato foi definido em sorteio. Na bancada, da esquerda para a direita, estarão os candidatos Alvaro Dias (Podemos), Cabo Daciolo (Patriota), Geraldo Alckmin (PSDB), Marina Silva (Rede), Jair Bolsonaro (PSL), Guilherme Boulos (PSOL), Henrique Meirelles (MDB) e Ciro Gomes (PDT).

Nesta mesma sequência os candidatos iniciam sua participação respondendo a uma pergunta única feita pelos leitores do Jornal Metro. Os embates serão frequentes ao longo de cinco blocos. As regras preveem perguntas de candidato para candidato. Haverá também a participação de três jornalistas do Grupo Bandeirantes: Fábio Pannunzio, Sérgio Amaral e Rafael Colombo, que farão perguntas para todos os candidatos e escolherão quem vai replicar.

Assim, entre perguntas diretas, réplicas e tréplicas, os candidatos se confrontarão 80 vezes. O debate será mediado pelo jornalista Ricardo Boechat.

Em caso de ofensa pessoal ou moral, o presidenciável poderá pedir direito de resposta, que será analisado por um comitê formado por advogados e jornalistas. Caso ele seja concedido, será feito em um minuto e, sempre que possível, no mesmo bloco em que a ofensa ocorreu.

SAFIRA - NOTICIA RODAPEGAZINSAFIRA - NOTICIA RODAPE