CERÂMICA UNIAOROLIM NET

POLICIAL

Suspeito de envolvimento no desaparecimento de agricultores no AM se entrega à polícia em RO

Postada em 20/11/2018 12:25hrs
Fonte: g1.globo.com/ro

Suspeito de envolvimento no desaparecimento de agricultores no AM se entrega à polícia em RO

Rinaldo da Silva Mota, um dos suspeitos pelo desaparecimento de três agricultores na região de Canutama (AM), em dezembro de 2017 se apresentou à polícia de Ariquemes (RO), no Vale do Jamari, com o advogado nesta segunda-feira (19).

Segundo o delegado Rodrigo Duarte, o suspeito deve ser encaminhado ao Amazonas. "São dois mandados de prisão do Amazonas. A princípio ele vai ser recambiado para o Amazonas porque o mandado de prisão é de lá. Lá é que ele deve ser interrogado. Se tiver interregatório, vai ser feito lá, a menos que o juízo ou a delegacia peçam para que nós façamos daqui", explica Duarte.

As prisões de Rinaldo da Silva Mota e Antonio Mijoler Garcia Filho foram decretadas pela Justiça de Canutama no final de dezembro de 2017. Antonio foi preso em agosto deste ano em uma casa na Zona Leste de Porto Velho.

Dois dias antes de se entregar, Rinaldo anunciou em uma rede social que se apresentaria e que esperava que a verdade aparecesse.

Suspeito informou em uma rede social que iria se entregar à Justiça esta semana — Foto: Reprodução

Suspeito informou em uma rede social que iria se entregar à Justiça esta semana — Foto: Reprodução

Suspeito informou em uma rede social que iria se entregar à Justiça esta semana — Foto: Reprodução

Rinaldo e Antonio são suspeitos de envolvimento no desaparecimento do ex-brigadista do Instituto Chico Mendes, Flávio Lima de Souza, a vice-presidente da associação de moradores da zona rural Marinalva Silva de Souza e o sitiante Jairo Feitosa Pereira. Os três desapareceram na selva, na região do Distrito de Açuanópolis, no município de Canutama, a 615 km de Manaus.

A localidade fica às margens da BR-319. O trio estava tirando fotos e demarcando uma área de terras, no Sul do Amazonas. A posse da propriedade é disputada na Justiça.

O G1 não conseguiu contato com o advogado de defesa do suspeito.

Quem são os desaparecidos

 

  • Flávio de Lima de Souza - é ex-brigadista do ICMBio.
  • Marinalva Silva de Souza - vice-presidente da associação de moradores da zona rural.
  • Jairo Feitosa - morador da região.

Desaparecimento

Os três agricultores sumiram no dia 14 de dezembro de 2017, quando faziam fotos no fundo da propriedade em Canutama.

Em entrevista à Rede Amazônica, a mulher de Flávio disse não acreditar que o marido e os amigos se perderam na região, pois eles conheciam toda a área da proriedade.

"Eles entraram lá para tirarem fotos que foram solicitadas para serem entregues ao Incra, conforme ação que está ocorrendo na Justiça, que foi ganho a causa pra gente, pois estamos lá na área. Na ida que eles foram para tirarem essas fotos acabaram sumindo e outras pessoas que estavam com eles voltaram desesperados avisando do sumiço dos amigos", afirma Rosiane Moraes.

A esposa de Flávio também revelou que os agricultores já estavam sendo ameaçados em Canutama.

"Algumas manilhas colocadas na entrada da área de conflito foram arrancadas com tratores. Nós fomos em Humaitá (AM), falamos com delegado e fizemos registro de ocorrência na época", ressaltou em entrevista.

 

SAFIRA - NOTICIA RODAPEGAZINSAFIRA - NOTICIA RODAPE